Prêmio Nobel recebe homenagem na Embaixada Britânica

De jaqueline

A recepção foi resultado de uma parceria com a AstraZeneca

Nesta terça-feira, 29 de agosto de 2023, a Embaixada Britânica realizou um jantar em homenagem a William G. Kaelin, ganhador do Prêmio Nobel de Medicina em 2019. A vinda dele ao Brasil, liderada pela AstraZeneca, tem o intuito de incentivar jovens pesquisadores e estudantes, além de destacar a cooperação em saúde entre Brasil e Reino Unido.

A pesquisa desenvolvida por William G. Kaelin busca entender como as células detectam e se adaptam à disponibilidade de oxigênio. Essas descobertas já estão sendo utilizadas em tratamentos contra anemia e podem levar a estratégias para tratar algumas formas de câncer.

Para o Nobel, o desenvolvimento de políticas públicas cria meios para que a saúde seja oferecida a todos, de forma universal. “Parte da explicação de eu ter feito o que fiz foi que eu ter chegado à conclusão de que pessoas sábias estavam tomando as decisões políticas corretas para que eu pudesse me concentrar no meu trabalho. O método científico e a criação de novos conhecimentos é, no fim das contas, o maior presente que podemos deixar para as futuras gerações”, avaliou Kaelin, durante um breve discurso na Embaixada.

A cooperação em saúde é uma das prioridades da atuação do governo britânico no Brasil. “Somos o segundo maior parceiro em ciência do Brasil. Temos uma sinergia natural na cooperação em saúde que começa com nosso sistema público de saúde, o NHS, que existe há mais de 70 anos e que inspirou o Brasil para a criação do SUS. Tivemos a honra de trabalhar com a AstraZeneca durante a pandemia de COVID-19, e foi realmente incrível ver como sua colaboração com a Fiocruz aqui no Brasil através da vacina de COVID-19 salvou milhões de vidas”, afirmou a Embaixadora do Reino Unido no Brasil, Stephanie Al-Qaq.

O jantar oferecido pela Embaixada contou com a presença de políticos e representantes de instituições que atuam na área da saúde. Estiveram presentes o deputado federal Vinicius Carvalho (Republicanos-SP), os secretários do Ministério da Saúde Carlos Gadelha e Ethel Maciel, o presidente da Anvisa, Antônio Barra, e o Diretor-Geral da AstraZeneca, Olavo Corrêa.

Corrêa aproveitou a oportunidade para destacar que a iniciativa organizada pela multinacional tem o objetivo de fortalecer a liderança científica da farmacêutica e inspirar jovens pesquisadores. “Um dos valores da AstraZeneca é seguir a ciência. Para isso, precisamos de mais ações como essa, ações onde nós possamos trazer cada vez mais pessoas inspiradoras para o Brasil’’, defendeu.

Imagem: Divulgação

Veja também