Presidente da FBH prestigia solenidade de posse da Mesa Diretora da Frente Parlamentar Mista da Saúde

De jaqueline

Coordenada pelo deputado federal Zacharias Callil, a nova Frente tem o objetivo de fortalecer o debate propositivo sobre a evolução do sistema de saúde brasileiro

O presidente da Federação Brasileira de Hospitais (FBH), Adelvânio Francisco Morato, prestigiou nesta quarta-feira, 14, a solenidade de posse da Mesa Diretora da Frente Parlamentar Mista da Saúde (FPMS). Coordenado pelo deputado federal Zacharias Callil, o novo colegiado terá a missão de fortalecer o debate sobre as principais pautas do setor e apresentar soluções para o aperfeiçoamento do sistema de saúde brasileiro.

A cerimônia de posse, realizada em Brasília, marca um importante passo para evolução dos serviços de saúde no país. “Estamos bastante entusiasmados com os trabalhos que serão conduzidos por esta Frente. O Brasil é um dos maiores sistemas de saúde do mundo e temos uma agenda bastante extensa de assuntos que precisam de atenção e prioridade. Tenho certeza que o trabalho conduzindo pelo deputado Zacharias Callil dará bons resultados”, frisou o presidente da FBH, Adelvânio Morato.

De acordo com ele, a FBH, como representante de uma ampla rede de hospitais em todo o país, pretende se somar aos esforços da FPMS, trazendo para o debate a expertise do setor privado, contribuindo com sua experiência e conhecimento para a formulação de políticas públicas mais eficientes e eficazes. “Essa colaboração é fundamental para enfrentar os desafios atuais e futuros, como a ampliação do acesso aos serviços de saúde, a redução das filas de espera por cirurgias e o aprimoramento da gestão hospitalar”, acrescentou.

O deputado Zacarias Callil, conhecido por sua trajetória política dedicada à causa da saúde, assume a presidência da FPMS com um compromisso firme de trabalhar em prol do bem-estar e da qualidade de vida dos cidadãos brasileiros. Em seu discurso de posse, Callil destacou a importância de uma atuação parlamentar comprometida com a saúde pública, ressaltando que a frente parlamentar buscará fomentar o diálogo e a construção de consensos em relação às políticas de saúde.

Veja também